6 dicas para uma boa administração de finanças

administração de finanças
3 minutos para ler

Manter suas finanças pessoais em equilíbrio é um desafio para muitas pessoas. Para atingir esse objetivo, é preciso muita atenção e dedicação. Muitas pessoas procuram especialistas na área a fim de deixar seu patrimônio em dia, mas também é viável alcançar isso por conta própria, você sabia?

Educação financeira, investimentos, planilhas: tudo isso pode auxiliar na hora de administrar suas finanças. Para quem deseja melhorar a vida financeira, seguem aqui algumas dicas!

1. Aposte na sua educação financeira

Leia artigos e estude sobre educação financeira. Assim, na medida em que for dominando o assunto, ganhará cada vez mais confiança para lidar com a administração de seu dinheiro. A educação financeira é uma peça-chave na hora de se planejar bem e decidir quais são as melhores posturas a se tomar acerca de investimentos e questões monetárias.

2. Anote gastos e ganhos

Faça uma planilha e anote suas receitas geradas e os gastos. Dessa forma, fica muito mais fácil quantificar sua vida financeira — e, assim, poder arrumá-la da melhor maneira possível.

Faça uma espécie de divisão entre os gastos: aqueles que são imprescindíveis e aqueles de menor importância. As planilhas também são ótimas aliadas quando o assunto é fugir de dívidas, já que fica muito mais fácil controlar e rastrear seus dispêndios quando eles estão anotados.

3. Faça investimentos certeiros (e analisados)

O investimento é uma das ações mais seguras que podem ser tomadas para expandir seu patrimônio. Isso nada mais é que a aplicação financeira em áreas que gerarão lucro futuro, com juros ou correção monetária.

Existem diferentes tipos de investimentos que podem ser feitos para ajudar o planejamento financeiro. Para decidir qual é o que mais combina com o seu momento, deve-se levar em consideração não apenas a sua rentabilidade, como também os riscos. E não se esqueça de verificar a inflação durante a época de seu investimento, pois ela influenciará os seus retornos.

4. Tenha objetivos claros

Seja comprar um apartamento ou expandir os negócios, é importante traçar seus objetivos de forma clara. Faça uma relação daquilo que pretende atingir e, dentro desse rol, separe as necessidades das aspirações. Num primeiro momento, foque naquilo de que realmente precisa, e depois parta para os outros itens da sua lista.

5. Estabeleça prioridades

Para você, o mais importante é economizar recursos ou comer fora diariamente? Depois de elencar todos os seus gastos, o ideal é que vá cortando tudo aquilo de que não precisa, ou que não o ajude a atingir seus objetivos. Claro que não é forçoso cortar completamente a diversão a fim de economizar, mas tente deixar um limite disponível para o lazer, e não fuja dele.

6. Utilize a tecnologia a seu favor

A tecnologia pode ser sua aliada na hora de administrar seus bens. Utilize aplicativos de finanças pessoais que permitam o monitoramento e a edição de gastos e lucros, assim poderá se manter a par do que acontece na sua vida financeira em tempo real.

Como é simples perceber, existem vários macetes que nos ajudam na hora de fazer uma boa administração de finanças. Você tem alguma outra dica sobre uma boa administração de finanças? Deixe um comentário!

contato whats
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

-