9 dicas para quem vai mudar de cidade para estudar

mudar de cidade
7 minutos para ler

Mudar de cidade para estudar é muito comum, afinal nem todas as localidades contam com faculdades ou ofertam os cursos desejados. Por isso mesmo, é importante conhecer algumas dicas para se adaptar da melhor forma.

A vida se movimenta por meio das mudanças, e sem elas tudo seria bastante monótono e sem sentido. Alguns acontecimentos podem alterar seu curso normal e envolver família, amigos, lugares e escolhas. Aqui, um dos mais importantes acontece quando é preciso mudar de cidade para estudar.

Apesar de ser uma decisão importante e proporcionar uma grande experiência de vida, essa mudança pode ser acompanhada por medo e insegurança. Por isso mesmo, é importante conhecer algumas dicas especiais para quem vai morar em outra cidade para estudar. Se você tem interesse no assunto, confira este post!

1. Pesquise sobre a nova cidade

Se a sua vaga na universidade já foi conquistada, mas ela fica em uma cidade diferente e você precisa se mudar para iniciar seus estudos, é preciso saber por onde começar a se organizar. A primeira coisa a fazer é pesquisar sobre a nova cidade, mesmo que isso seja feito apenas pela internet.

Aprenda um pouco sobre a história local, pesquise sobre o clima, os problemas mais comuns, e outras características marcantes, que variam entre cada cidade. Tente conversar com alguém que já vive lá e, caso não conheça ninguém, procure nas redes sociais e fóruns na internet.

Isso ajudará a descobrir as vantagens e desvantagens do novo lar e como funciona a rotina na cidade, como atendimento pelo transporte público, segurança, custo de vida e outros fatores importantes para se planejar.

2. Conheça pessoalmente a cidade

Mesmo que você consiga reunir várias informações sobre a nova cidade em pesquisas pela internet e conversas com outras pessoas, é muito importante tentar fazer uma viagem para o local antes de alugar um imóvel e realizar a mudança definitiva.

Fazendo isso, você consegue observar de perto todos os itens que pesquisou e conseguirá sentir o clima do lugar. Vale a pena circular pelos lugares mais próximos à faculdade e conhecer os bairros voltados para os estudantes para decidir onde morar. Se conhecer alguém que mora na cidade, peça ajuda nessa tarefa!

3. Faça um planejamento financeiro

Antes de mudar de cidade para estudar, além de tentar conhecer o local pessoalmente, faça um planejamento sobre o seu novo custo de vida. Use uma planilha financeira ou baixe um aplicativo para ajudar nessa tarefa.

Em seguida, anote o valor aluguel ou da prestação do imóvel, assim como os valores médios necessários para arcar com despesas como energia elétrica, água, internet, transporte e alimentação. Desse modo, você saberá, aproximadamente, quais serão os seus gastos mensais.

Nessa etapa, é muito importante criar o hábito de economizar e poupar algum dinheiro, porque mudar de cidade, especialmente se for morar sozinho, pode gerar alguns contratempos. Portanto, se prepare para as adversidades a fim de evitar transtornos e dificuldades financeiras.

4. Aprenda tarefas básicas para o dia a dia

Se você nunca morou sozinho, é importante aprender as tarefas básicas para o dia a dia, como limpar a casa, lavar a roupa e fazer comida, já que isso será essencial para o seu conforto e a sua saúde. Aproveite o período antes da mudança para entender quais são as atividades necessárias para a rotina de limpeza e pesquise como fazer cada uma.

Também vale a pena aprender quais são os itens necessários para realizar todas as tarefas e organizar listas de compras, além de saber como estabelecer uma rotina para dar conta de todas as obrigações sem prejudicar os estudos.

5. Procure imobiliárias antes de mudar

Além de conhecer melhor os bairros da sua nova cidade, procure as imobiliárias locais. Elas te ajudarão a encontrar uma localização e uma melhor moradia para que você possa iniciar e concluir os seus estudos.

Em cidades universitárias, como Toledo, isso se torna ainda mais importante para garantir que o imóvel atenda a todas as necessidades, considerando a faculdade, o horário das aulas, eventuais estágios e outras atividades do estudante. Além disso, uma boa imobiliária conseguirá apresentar mais opções e de forma mais rápida do que se você estivesse procurando sozinho um lugar para morar.

6. More perto da faculdade

Morar próximo à faculdade facilitará a rotina, já que exigirá menos tempo de deslocamento e, muitas vezes, permite que você frequente às aulas a pé, sem precisar contar com outros meios de transporte. Essa medida também ajuda na redução de custos.

Em Toledo, por exemplo, existem diversas universidades, e cada uma conta com moradias próximas, assim como serviços voltados para atender aos estudantes. Desse modo, a escolha de um imóvel que fique perto do seu local de estudo proporcionará diversos benefícios.

7. Depois que se mudar, conheça melhor a cidade

Depois de todo o processo de mudança, procure conhecer melhor a cidade. Algumas coisas são básicas, como saber onde fica o hospital mais próximo, farmácias, supermercados, lojas e bancos.

Além desses lugares, que são importantes para o dia a dia, tente conhecer também outros locais interessantes para visitar, como parques, museus, cinema, dentre outras opções para cultura e lazer. Em cidades universitárias, principalmente, costumam existir vários programas legais!

8. Mantenha o contato com a família

A distância da família ao mudar de cidade para estudar é uma das principais dificuldades enfrentadas. Porém, é importante se esforçar para manter um contato mais próximo para matar a saudade, receber conselhos e não se sentir sozinho.

Com a tecnologia disponível, você pode fazer isso de diversas formas: trocas de mensagens em redes sociais ou WhatsApp, envio de fotos ou vídeos e, até mesmo, a realização de videconferências com várias pessoas, em um clima mais próximo de um encontro familiar. A dica também vale para os seus amigos que não morarão perto de você.

9. Faça novas amizades ao mudar de cidade para estudar

Quando se mudar, procure fazer novas amizades, tanto no meio acadêmico quanto na sua vizinhança. Amizades na faculdade são fundamentais para trocar experiências e ter suporte nas atividades das aulas — os veteranos podem ajudar com materiais, enquanto os colegas de classe podem formar grupos de estudos e realizar as tarefas do dia a dia.

Já os vizinhos são as pessoas mais próximas que poderão oferecer suporte caso você precise, como no caso de doenças ou imprevistos em casa. Nessas situações, vale a pena contar com quem mora mais perto.

Aplicando essas dicas para mudar de cidade para estudar, sem dúvidas você terá mais tranquilidade para se adaptar ao novo local e aproveitar melhor a faculdade. Além disso, não se esqueça de procurar um bom lugar para morar, a fim de garantir uma estadia mais agradável e tranquila até concluir o curso.

Gostou dessas dicas? Se você pretende se mudar para Toledo para cursar a faculdade, entre em contato conosco e conheça os imóveis da imobiliária Panorama!

contato whats
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

-