Dicas para fazer seu imóvel ser vendido mais rápido

9 minutos para ler

O mercado imobiliário se trata de um dos setores econômicos vistos com uma maior estabilidade, em comparação a outros patrimônios, produtos ou áreas de serviço. Isso por causa da necessidade que todos possuem de um imóvel para residir.

Seja na posição de dono desse imóvel ou por meio de um sistema de aluguel. Em relação a isso, o sonho da casa própria acaba sendo um dos maiores objetivos do brasilerio médio, buscando uma maneira de investir em algo que traga segurança e conforto à sua vida.

Pois não se trata apenas de ter um teto em sua cabeça, mas sim o acesso a um local que corresponda ao papel de lar, trazendo uma sensação de proteção para os indivíduos que ali residirão, respondendo aos interesses e necessidade de cada tipo de morador.

Isso porque a realidade de cada morador impactará diretamente no tipo de imóvel ao qual esse indivíduo está em busca. Como um lugar receptivo ao recebimento de visitas, por parte de um jovem, aliado a um sistema de controle de acesso de pessoas.

Enquanto isso, no caso de uma família, além da segurança, outros quesitos se tornam importantes durante o processo de escolha da sua nova casa, como a amplitude do espaço, a presença de diversos quartos para as crianças, entre outros tópicos de teor familiar.

Uma variedade que acaba por mover o mercado imobiliário, sempre em busca de oferecer novas opções aos moradores, que podem decidir por trocar de moradia de acordo com o estado atual de sua vida, como no crescimento da sua família, por exemplo.

Junto a isso ainda existe outra questão importante que são os elementos artísticos de cada espaço. Pois um estilo específico pode atrair a atenção de um morador, assim como afastar outro da possibilidade de comprar uma casa nesta região.

Como a frequência dos serviços de corte e poda de árvores a serem realizados em uma região repleta de elementos naturais. Para que não haja um descontrole ambiental do estilo adotado para as casas presentes nessa localidade.

Pontos a serem levantados não apenas por quem busca comprar uma casa, mas também para quem está na posição de vendedor. Uma relação cada vez mais constante nos últimos anos, com um indivíduo trocando de posição de forma dinâmica.

O estado do mercado imobiliário nos últimos anos

A pandemia de covid-19 afetou a todos de maneira inesperada, modificando alguns mercados até mesmo de forma irreversível, sendo preciso adotar novas estratégias para que fosse possível contar com a manutenção de tais negócios na sociedade.

Como os restaurantes presenciais, que passaram a soltar os sistema de delivery como uma opção de consumo. Ou então as lojas físicas, que começaram a trabalhar com um sistema digital para a comercialização dos seus produtos e serviços através da internet.

Ações que lidavam com essa nova realidade, no qual os seus almejados consumidores se encontravam isolados em suas residências. Talvez até mesmo como uma consequência foi que o mercado imobiliário acabou sendo um dos menos afetados pela pandemia.

A partir da presença maior dos indivíduos nas suas casas. Dando assim uma maior atenção à manutenção dela, observando pontos que antes poderiam ser ignorados, como o nível de impermeabilização em caixa de água presente em seu prédio.

Além de outras questões que fizeram com que os indivíduos passassem a procurar por residências adequadas aos seus propósitos, tanto em termos de localização como de espaço interno, o que acabou por manter esse mercado aquecido durante a pandemia.

De acordo com dados levantados pela Abrainc (Associação Brasileira de Incorporadoras Imobiliárias) e pela Fipe (Fundação Instituto de Pesquisas Econômicas), em 2020 houve um aumento de 9,7% nas vendas imobiliárias entre os meses de abril e junho.

Uma realidade que se manteve sustentável até o final de 2021, no qual foi registrado uma queda de 9,5% sobre os mesmo índices de venda registrados nos anos anteriores, como consequência da crise econômica que passou a afetar os mercados como um todo.

Número informado pela CBIC (Câmara Brasileira da Indústria da Construção), que credita essa baixa ao alto valor de custo de mercados associados ao setor imobiliário. Que mesmo assim, apresenta um índice de queda muito inferior a outras baixas no mercado.

A fazer com que uma empresa de reforma e construção continue a ter uma grande força durante esse período recente. Existem diversos motivos que fazem com que um indivíduo opte por comprar ou se desfazer dos seus imóveis.

Motivos para vender seu imóvel

Falando da venda em si, existem diversas razões a convencerem um proprietário a colocar o seu imóvel a venda, sendo possível destacar ações como:

  • Se mudar para um ponto distante;
  • Estar em busca  de um espaço maior;
  • Precisar do dinheiro;
  • Desfazer de um imovel de herança.

Uma série de alternativas que podem fazer com que um indivíduo busque dar um novo destino ao seu investimento patrimonial. Dando início a um trabalhoso processo de convencer pessoas a se interessarem pelo seu imóvel a ser adquirido.

Principalmente a depender do cenário do mercado imobiliário, com os possíveis compradores observando pontos como a instalação de cerca elétrica preço nesse espaço, os custos com iluminação, entre outros pontos associados a essa compra.

Mas para quem está obstinado em garantir a venda desse imovel, saiba que existem uma prática que pode ajudar nesse processo, tornando essa sua antiga residência em algo atrativo para diversos compradores que podem se interessar por tal espaço.

Como acelerar o processo de venda de um imóvel

A venda de um impovel pode muitas vezes não ocorrer no tempo desejado pelo proprietário, principalmente quando ele se encontra em precisão imediata do dinheiro, ou pretende se mudar com alguma urgência, por causa de uma oferta de trabalho.

Ao mesmo tempo, é possível agilizar esse processo ao seguir algumas estratégias que serão destacadas a seguir:

Faça melhorias no imóvel

Por mais que sua casa esteja em boas condições, é sempre importante fazer algumas melhorias no lugar, como mexer na fiação, trocar possíveis lâmpadas queimadas, passar uma nova mão de tinta nas paredes. Tudo que possa melhorar a qualidade do imóvel.

Inclusive nos eletrodomésticos que podem estar sendo negociados junto da casa, sendo importante então recorrer a manutenção ar condicionado e dos outros objetos eletrônicos presentes na casa.

Organize esse espaço

Diretamente associado às reformas que poderão ser feitas no imóvel, é preciso também garantir que esse espaço esteja sempre bem organizado, durante a visita de possíveis compradores ou de avaliadores imobiliários.

De forma então a melhorar a imagem que pode ter tido sobre esse lugar. Passando a impressão de ser um local de grande espaço, por exemplo. Algo a ser conquistado a partir da melhor disposição de objetos como:

  • Fios;
  • Móveis;
  • Prateleiras;
  • Itens de decoração.

Tudo a permitir com que uma boa foto possa ser tirada sobre esse imóvel colocado à venda. Algo importante para o passo a seguir.

Tire boas fotos para o anúncio

Uma boa fotografia pode aumentar o interesse do público, tendo em vista uma possível casa a ser comprada, logo, é importante garantir que o seu imóvel esteja bem representado pelas fotografias que serão usadas para ilustrar os seus anúncios de venda.

Com a  tecnologia atual, é possível garantir boas imagens publicitárias que sejam feitas diretamente pelo celular, precisando apenas de uma câmera de qualidade e da capacidade profissional do proprietário, em busca de encontrar ângulos que valorizam sua residência.

Descreva bem as características do seu imóvel

Junto das fotos a serem circuladas, é importante que os seus anúncios contenham uma boa descrição, destacando todos os pontos positivos tanto do impvel como do local que ele se encontra.

No caso de um condomínio, a presença de empresas de jardinagem a realizar serviços nesse espaço pode também ser algo positivo de ser destacado neste anúncio.

Recorra às plataformas digitais

O mercado digital abraçou também o meio imobiliário, sendo possível colocar sua casa à venda junto de plataformas especializadas para esse serviço, unindo os proprietários e os possíveis compradores em um espaço de fácil acesso para ambos.

Procure um especialista em vendas

Por mais que a internet tenha fatiado esse processo de vendas do seu impovel, continua sendo de grande importância procurar por um profissional da área, que além de encontrar possíveis compradores, realiza também a avaliação de imóvel residencial.

Encontrando o valor adequado pelo qual esse imóvel vale no mercado, o que facilita o proprietário a se planejar e também aos compradores em potencial, que possuem uma faixa de preço específica dentro dos seus limites de investimento.

Fora toda a documentação que passa a ser responsabilidade de uma agência especializada no mercado de compras e de venda de imóveis. Facilitando a vida de quem opta por esse tipo de serviço, a partir de uma taxa acordada entre o vendedor e a empresa.

Tudo a facilitar o longo processo de venda de um imóvel a se tornar em algo ágil para todos os envolvidos.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

contato whats
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

-