Dicas de como realizar a pintura de imóvel

8 minutos para ler

Realizar pintura de imóvel muda o visual da residência e ajuda a transformar completamente aquele ambiente. Essa pode ser uma alternativa para quem não consegue se mudar para outro local.

Também é excelente para pessoas que já tem casa própria e querem renovar o ambiente para se sentirem em um lugar novo. Modificar o estilo e a decoração do ambiente vai deixar o lugar mais convidativo, aconchegante e agradável.

O melhor de tudo é que a pessoa pode realizar essa tarefa sozinha sem precisar contratar profissionais. Embora seja recomendado uma equipe especializada, é possível se informar e seguir todas as orientações para fazer por conta própria e reduzir os custos.

Esse tipo de reforma traz muitos benefícios para o morador, por exemplo:

  • Proporciona bem-estar;
  • Melhora a disposição;
  • Melhora a energia;
  • Renova o ânimo;
  • Aumenta o conforto.

Essas são algumas razões que tornam as pinturas residenciais prediais um fator importante para se considerar, principalmente, durante uma reforma periódica no local.

Lembrando que a pintura do imóvel também tem o objetivo de atuar na decoração, beleza e conforto visual do ambiente. Esse efeito pode ser alcançado através de várias formas, uma delas é com o uso de materiais como as pastilhas de porcelana para banheiro.

Esse produto é utilizado para refletir o brilho do ambiente e atuar na sensação de ampliar o local visualmente. Especialmente, quando usado nas áreas de arquitetura e decoração pode tornar ambientes simples, como um banheiro, em locais muito mais bonitos.

O que é preciso para pintar um imóvel?

O processo de pintura de um imóvel envolve alguns materiais específicos, então é importante conhecê-los para usá-los corretamente. Assim é possível obter bons resultados, mesmo fazendo todas as etapas sem a ajuda de um profissional.

Pincel

Muita gente já viu um pincel, ele serve para espalhar a tinta na parede. O mais importante é saber que existem diferentes tamanhos e materiais. As alternativas incluem opções com cerdas grossas ou delicadas, por exemplo. 

É preciso identificar a área exata que será pintada, afinal cada tamanho de pincel é adequado para passar a tinta em um certo espaço com maior facilidade.

Tinta 

A tinta é um elemento fundamental porque é esse material que vai definir o novo visual da residência. A escolha da cor deve ser feita com cuidado, a parede precisa combinar com o restante da decoração daquele ambiente.

Se a parede for branca, é interessante pintar um rodapé branco para piso laminado, por exemplo. Essa é uma combinação que garante a beleza da decoração e a harmonia visual do lugar.

Rolo de pintura 

O rolo de pintura é usado para espalhar a tinta em superfícies maiores de forma prática e ágil. Essa característica faz deste material uma excelente opção para pintar grandes espaços, como o portão de rolo, por exemplo.

É preciso ter cuidado com a limpeza desse utensílio para preservá-lo e manter suas funções, caso não seja higienizado direito, o rolo pode estragar. A pessoa deve se informar sobre a forma correta de lavar e como aplicar a tinta.

Lona

Muitas vezes o proprietário realiza o processo de pintura do imóvel depois de estar morando na residência, quando já existe piso e outros acabamentos. A lona é importante para proteger outras partes da casa de respingos e sujeira indesejada.

É interessante forrar o chão cuidadosamente cobrindo inclusive os detalhes do rodapé. Quando for pintar essa parte próximo do chão, a parede também deve ser protegida para não estragar o trabalho que já foi feito.

Espátulas 

A espátula serve para ajudar na limpeza pós obra. Mesmo usando uma lona e tomando muito cuidado, pode acontecer de escorrer tinta e sujar o piso e azulejo. Então, é com esse item que a pessoa vai conseguir remover esse tipo de sujeira.

Como realizar a pintura do imóvel?

O procedimento de pintura do imóvel envolve algumas etapas relevantes que devem ser seguidas na ordem correta. 

É preciso saber o que fazer e como deve ser feito para conseguir a mesma qualidade que um serviço profissional.

1 – Lixar as paredes 

Lixar a parede vai remover a tinta antiga. Em muitos casos a parede que vai receber pintura nova já está desgastada pelo tempo com trincas, rachaduras, além de partes descascando. Então, é preciso limpar todo esse material antigo para poder iniciar o processo de pintura.

2 – Retirar o pó resultante 

O procedimento de lixar a camada antiga de tinta vai encher o ambiente de poeira, inclusive a própria parede. Por isso, é preciso limpar esse pó e retirar todo esse resíduo para preparar o local.

3 – Tampar imperfeições com massa corrida

Depois que fizer a limpeza de forma adequada é possível visualizar imperfeições naturais decorrentes do tempo e do uso. Toda irregularidade que a pessoa encontrar precisa ser coberta com massa corrida.

4 – Pintar a parede de uma vez só

Quando a tinta seca forma uma película e fica difícil identificar o tom correto da cor. Além do problema em acertar o tom novamente, essa casquinha atrapalha para deixar a camada lisa. Então, a pintura deve ser feita em toda a superfície de uma vez só.

5 – Finalizar os cantos com pincel

Os cantos do cômodo são mais delicados e precisam de mais cuidado. É preciso fazer esse acabamento usando um pincel com tamanho adequado para conseguir a finalização correta. Os tamanhos maiores ou o rolo de tinta não são ideais para essa etapa.

6 – Passar duas ou três demãos

Uma única camada de tinta pode criar uma película muito fina ao secar e assim a parede descasca mais fácil. É preciso passar a tinta duas ou três vezes para garantir a durabilidade. Cada camada é chamada de demão.

Como obter bons resultados ao pintar o imóvel

Depois de conhecer os materiais necessários para fazer a pintura do imóvel e quais são os passos a serem seguidos, é interessante observar algumas dicas úteis para concluir esse processo de forma eficaz e apresentável.

Escolher a tinta ideal

Cada tipo de tinta atende bem a certos ambientes e superfícies. É preciso escolher a composição ideal para garantir o resultado desejado. A decoração em acrílico é recomendável para superfícies de alvenaria em ambientes internos, por exemplo.

Esse tipo de tinta permite uma boa limpeza porque é fácil de lavar sem prejudicar o trabalho que foi realizado no local.

Esperar intervalos entre as camadas

A pintura não estará pronta de uma só vez, é preciso fazê-la em etapas com mais de uma camada até sua conclusão. A recomendação profissional é esperar intervalos de quatro horas antes entre cada camada.

Seguir as orientações da embalagem

As orientações na lata de tinta devem ser seguidas rigorosamente. Assim como qualquer outra embalagem, é ali que estão as informações relevantes sobre o produto. Dessa forma, a pessoa saberá a maneira correta de usar aquele material.

Essa instrução é importante porque alguns tipos de material são adequados para determinadas situações e outros não. Existem tintas específicas para superfícies onde foi usado concreto celular, por exemplo.

Impermeabilizar superfície de madeira

Os locais de madeira precisam de um cuidado especial e precisam ser impermeabilizados antes de receber a pintura. Isso deve ser feito com a aplicação de verniz ou esmalte para garantir que essa superfície não vá estragar.

É preciso lembrar que a madeira é um material que estraga muito fácil em contato com umidade. Então, a impermeabilização é essencial para preservar esse tipo de estrutura e evitar prejuízos desnecessários.

Usar esmalte em superfície metálica

Assim como a madeira, o metal também precisa de uma atenção diferenciada. O esmalte pode ser usado para a pintura de estrutura metálica. Dessa forma, é possível conservar a estrutura, protegê-la e garantir a beleza do resultado.

Considerações finais

A pintura do imóvel renova o ambiente e dá a ele um novo aspecto. Mesmo após sua construção, inclusive, depois de ter o piso instalado e ter pessoas morando ali é importante realizar reformas na aparência da residência.

Modificar visualmente um ambiente causa a sensação de estar em um local completamente diferente, como se a pessoa tivesse acabado de se mudar. Esse sentimento pode ser muito motivador e dar nova energia para as atividades diárias.

Afinal de contas, é sua própria casa, é ali que aquele morador passa a maior parte do tempo e realiza diversas atividades importantes. Renovar o local de convivência e adquirir novo ânimo é muito importante.

É bom saber que é possível fazer isso sozinho, sem gastar mais com uma equipe profissional. Para conseguir um bom resultado realizando esse processo sozinho basta se informar e seguir todas as orientações.

Os materiais necessários, etapas que fazem parte do procedimento e a forma correta de utilizar cada um dos recursos faz muita diferença na qualidade e beleza do resultado final.

Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

contato whats
Você também pode gostar

Um comentário em “Dicas de como realizar a pintura de imóvel

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

-