Valorização do imóvel: conheça 5 itens que agregam valor ao espaço

Casal com chave na mão
4 minutos para ler

Uma das preocupações de uma pessoa na hora de comprar um imóvel é verificar a capacidade dessa propriedade se valorizar com o passar dos anos. Se isso ocorrer, o comprador poderá obter um excelente retorno financeiro com relação ao investimento, vendendo ou alugando o imóvel. A valorização do imóvel, portanto, chama muito a atenção dos futuros compradores.

Uma das maneiras de acertar na hora da compra, é contar com a consultoria de profissionais imobiliários, como os corretores. Por terem grande expertise no mercado, eles conseguem aconselhar os seus clientes sobre a valorização imobiliária.

Contudo, se você quer algumas dicas práticas de pontos que precisa avaliar na hora da compra, basta continuar lendo este artigo. Vamos lá?

1. Localização

A localização é um dos fatores mais importantes com relação à valorização do imóvel. Isso não quer dizer que apenas os imóveis que já estão em bairros disputados merecem a sua atenção — muito pelo contrário. O comprador precisa estar atento às oportunidades que a cidade reserva, como novos conjuntos habitacionais, terrenos etc. Com o crescimento das cidades, esses espaços tendem a atrair a atenção de mais compradores, tornando-se mais caros.

2. Acabamento

A qualidade dos materiais usados no acabamento do imóvel também influi na sua capacidade de ganhar valor. Além de mostrar ao comprador que a construção foi feita com cuidado e empenho, itens como piso, armários planejados, qualidade da pintura etc. têm valor por si só. Quanto mais moderno for o acabamento, melhor. Afinal, muitas pessoas desistem de comprar um imóvel usado devido à necessidade de reformá-lo, para deixar com uma aparência mais contemporânea.

3. Garagem

De acordo com dados do IBGE, existem mais de 97 milhões de automóveis no Brasil. A tendência é que esse número aumente com o passar dos anos, conforme a economia cresça. Por isso, ter pelo menos uma vaga na garagem é fundamental para grande parte das pessoas que procuram um imóvel para comprar ou alugar. Se você pensa em investir no mercado imobiliário, considere essa característica.

4. Trânsito e transporte público

Ao mesmo tempo em que ter um carro é importante, ter acesso às linhas de transporte público também pode indicar valorização para o imóvel. Em grandes cidades, como São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Curitiba, os imóveis localizados próximos a terminais, pontos de ônibus ou metrôs costumam ser disputados. É importante entender que as pessoas mais jovens, os Millennials, dão preferência pelos transportes alternativos, 62% não querem ter um carro. Se você pretende vender ou alugar para essa fatia do mercado, verifique a qualidade do trânsito do bairro onde investirá.

5. Áreas de lazer

Esse é um diferencial que costuma pesar a favor dos imóveis localizados em condomínios fechados. Com menos vontade de ficar no trânsito para ir para a academia, pegar uma piscina ou praticar algum esporte, as pessoas estão preferindo os imóveis que tenham áreas de lazer. É claro que isso dependerá do perfil desse consumidor, mas mesmo assim, essa característica não deve ser menosprezada.

Como vimos, a valorização do imóvel depende de uma série de fatores. Todos eles relacionados com o comportamento do consumidor. Por isso, é necessário contar com o suporte de uma imobiliária, já que essas empresas realizam estudos mercadológicos para entender melhor as necessidades dos seus clientes.

Quer ficar sempre bem-informado sobre o setor de imóveis? Então, nos siga nas redes sociais, estamos no Facebook, Twitter e YouTube.

contato whats
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

-