Saiba como valorizar o carro usado durante a negociação de um imóvel

4 minutos para ler

Na hora da compra da tão sonhada casa própria, é fundamental conseguir um belo valor de entrada no imóvel para amenizar a dívida financiada. O carro, por exemplo, é um bem muito utilizado com esse propósito.

Nenhuma das partes envolvidas deseja perder dinheiro. Por isso, é necessário dar atenção aos detalhes e entender como valorizar o carro para que todos fiquem contentes com a negociação. A seguir, daremos algumas dicas importantes para facilitar esse processo.

Saiba quanto o seu carro vale

Sabemos o quanto as taxas de juros no financiamento de um imóvel podem ser altas. Sendo assim, é importante dar uma boa quantia de entrada para que esse valor seja menor. Mas nem sempre temos esse dinheiro disponível, então, buscamos outras formas de entrada, como um veículo.

Se você está pensando em envolver o seu carro na negociação de um imóvel, com certeza, deseja que ele seja avaliado pelo maior valor do mercado. Apesar de ser uma tarefa difícil, não é impossível. Fatores como estética, manutenção e certos cuidados podem ajudar a valorizar o carro na hora da venda.

Antes de incluir o veículo na compra do imóvel, é necessário descobrir quanto ele está valendo no momento. Você pode pesquisar o modelo na Tabela Fipe e acompanhar o preço médio em anúncios de outros vendedores em plataformas de vendas. Dependendo do estado geral do seu carro, você pode pedir mais ou menos que o valor médio.

Faça uma manutenção adequada

A manutenção do veículo é fundamental para o seu bom desempenho, principalmente, se você pretende valorizar o carro que tem na garagem. Se possível, apresente um histórico com notas fiscais e comprovantes de qualquer manutenção, revisão e serviços feitos para agregar ainda mais valor na hora de fechar o negócio. É importante fazer uma revisão completa do motor e do câmbio e dar atenção a qualquer vazamento de óleo no carro.

Cuide da apresentação para valorizar o carro

Assim como um imóvel, a primeira coisa a que prestamos atenção quando vamos adquirir um carro é sua aparência. Invista em pequenos reparos em amassados e riscos que não afetam a pintura, para melhorar o seu visual. Detalhes como esses podem minar o interesse do comprador e desvalorizar o seu veículo.

Além disso, faça uma limpeza completa em todas as partes do carro, incluindo rodas, carpetes, bancos e partes internas de difícil acesso. É essencial que ele não esteja sujo durante a apresentação. Mande polir para deixá-lo mais brilhante e realçar a sua cor.

Algumas customizações valorizam o carro, como:

  • alarmes de segurança;
  • sistemas de multimídia;
  • direção hidráulica;
  • bancos de couro;
  • instalação de ar-condicionado;
  • vidros automáticos e travas elétricas.

Já customizações como suspensão rebaixada, alteração de cores e lâmpadas de xenon acabam desvalorizando ainda mais o seu veículo.

Regularize os documentos

Mantenha sempre os documentos como IPVA, DPVAT e licenciamento em dia. Se tiver alguma restrição, terá que cobrar um valor abaixo da média para descontar os débitos em aberto. A demora para regularização dos documentos também é um fator que pode desanimar a outra parte da negociação.

Portanto, um veículo bem cuidado, com manutenção adequada e documentos regularizados pode corresponder a um bom valor do imóvel. Siga essas dicas para valorizar o carro e tornar a sua negociação mais fácil, sem dor de cabeça.

Se você quer saber mais dicas sobre o mercado imobiliário, assine nossa newsletter e fique por dentro de todas as novidades!

contato whats
Você também pode gostar

Deixe um comentário

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

-